Blog Memorarces

Por Rubia Arce e Colunistas

Estar em si mesmo muda a sua relação com a vida e com a comida

9 Jun 2017

Onde você está agora? O que você está fazendo agora? Claro, está lendo esse texto, certamente está consciente de que alguém fala com você nesse momento através desse texto, está consciente de onde você está, com quem você está e do ambiente no qual você está.

 

Mas possivelmente está inconsciente de você. O que nos diferencia dos demais seres é a consciência. Porém, a maior parte do nosso tempo passamos inconscientes de nós mesmos.

 

Distante da consciência de nós mesmos somos movidos a reações instintivas que nos levam a ações inconscientes, inclusive comer. É muito comum as pessoas não lembrarem do que comeram no dia anterior, e as vezes no próprio dia.

 

Desenvolver a atenção plena (consciência) em si mesmo significa levar toda a sua percepção direta ao que você estiver fazendo, sintonizar o seu corpo com a sua mente.

 

O corpo, mente, sentimentos e alimentação

 

O seu corpo tem muito a dizer sobre sua alimentação, é preciso ouvi-lo generosamente. Ele pode lhe dizer qual o tamanho da sua fome, quando você deve parar de comer, se a sua fome é verdadeira ou não.

 

A sua mente conectada com o seu corpo vai lhe ajudar a escolher o que ele precisa no momento presente. Qual deve ser a sua escolha para atender a sua nutrição e o seu prazer. E essa conexão lhe dirá também se o que você precisa no momento é mesmo comida.

 

A mente não existe de forma isolada, ela é parte fundamental do corpo e ambos compartilham informações.

 

E a mente também é consciente, não apenas pensamos sobre as coisas, como temos consciência de que estamos pensando.

Portanto é importante que você tome consciência dos seus pensamentos. Observe o fluxo dos seus pensamentos, o que eles dizem sobre você, sobre a comida, sobre a forma como você vê a vida.

 

Provavelmente você já se perguntou: por que tanta ansiedade, estresse? Os seus padrões de pensamento podem transformar uma tristeza em um estado prolongado de infelicidade.

Quando você se sente triste, não é o sentimento o problema, mas sim a maneira como você reage a ele. Em meio a tristeza ou outro sentimento negativo, você pode começar a ruminar pensamentos autocríticos do tipo: “por que isso só acontece comigo”, “onde eu errei”. Um pensamento desencadeia o próximo e de repente você está em um turbilhão de emoções negativas. O nosso estado mental é ligado a memórias, essa ruminação percorrerá as lembranças que reflitam o seu estado atual e evocará uma série de tristezas lhe afundando no seu próprio pesar. Da mesma forma o inverso também acontece.

 

Cultivar a atenção em si mesmo, fará de você um observador de si mesmo, você passará a enxergar, aceitar e autorizar ou não o que lhe acontece. Você começa a perceber que os seus pensamentos vêm e vão, que você não é o seu pensamento, nem o seu sentimento, eles são algo que lhe acontece, você passará a observá-los entendendo claramente que eles são transitórios e que você tem a opção de reagir ou não com base neles.

 

Você é o especialista das suas próprias decisões. Trazendo esse estado de atenção para sua vida alimentar, você aprenderá a parar, sintonizar-se e ouvir o que é realmente importante para você. Você entenderá como, por exemplo, os seus pensamentos e sentimentos podem levá-lo a comer uma barra de chocolate para compensar o seu estado emocional.

 

O presente é o único instante em que podemos viver

 

Quando não se tem consciência da real fome, a tendência é comer mais, e fazer escolhas que você possivelmente não faria se estivesse atento ao seu corpo, a sua mente e aos seus sentimentos.

 

Para lidar com a comida, com o peso, com a sua saúde e o seu bem-estar é preciso se considerar por inteiro.

Manter a atenção em si mesmo pode fazer você experimentar a vida de uma maneira diferente, mais sábia e gratificante, aproveitando a sua existência vivendo o único momento que você tem de fato: o presente.

 

Você já percebeu quais padrões de pensamentos e sentimentos sequestram a sua atenção diante da vida e da comida? Você conseguiu manter-se aqui durante essa leitura? Que pensamentos passaram na sua mente? Compartilhe conosco. Quando a sua mente divaga pelo passado ou pelo futuro, qual a forma que você tem para trazer a sua atenção de volta para o momento presente?

 

 

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

O PESO

November 18, 2019

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Siga-me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon