Blog Memorarces

Por Rubia Arce e Colunistas

Budapeste, a cidade do Danúbio

29 Sep 2017

 

No último texto falei sobre um dos meus lugares favoritos da Europa – a Alemanha! Hoje vou falar sobre a Hungria... Ah... Que cidade maravilhosa!!! Vou contar sobre a primeira vez que fui lá, já fazem XXX anos. Mais um sonho que realizei, na companhia de amigos que amo (Raquel e Radek)! Conheço muita gente que vive espalhada por esse mundão! Adoro isso, tenho companhia e pouso em várias cidades do mundo. Sou uma privilegiada realmente! Sou muito grata por isso!

Budapeste é uma das cidades mais maravilhosas da Europa, bem parecida com Vienna, só que diferente. Ahahahaha!!! Ótima para se conhecer. Tem o custo baixo e lugares esplendorosos para ver. É banhada pelo caudaloso rio Danúbio cortado por 10 pontes, sendo a mais maravilhosa a Ponte das Correntes. Todos chamam Paris de cidade luz, mas Budapeste vista à noite é uma das coisas mais maravilhosas que meus olhos já viram nessa vida! O castelo de Buda e o prédio do Parlamento são umas das construções mais lindas da cidade. Budapeste foi criada com a união, em 1873, das cidades de Buda e Ôbuda que ficam na margem direita do Danúbio com Peste que fica na margem esquerda. Adoro cidades construídas em volta da água! Vou colocar aqui uma fotinha da vista à noite da cidade. Você também pode se deliciar com a vista através desse link aqui.

Lá também tem daqueles onibusinhos de turismo que passeiam pela cidade toda. Esqueci de falar nos outros textos, mas Lisboa e Hamburgo também têm desses onibusinhos. Eles são uma mão na roda para quem vai com pouco tempo visitar essas cidades. Eu andei neles lá na primeira vez que fui em Budapeste. Desci nos pontos que escolhi para ver mais dos arredores. Trouxe meu ímã de geladeira, claro! Esqueci de contar... eu coleciono canecas e ímãs de geladeira das cidades que visito. Um dia vou escrever sobre eles aqui. Bem, os lugares mais lindos de lá para mim são o Castelo de Buda, o Parlamento de Budapeste, a Ponte das Correntes e a Praça dos Heróis. Vou falar um pouco de cada um desses lugares então.

 

Castelo de Buda

É o castelo real dos reis húngaros, a primeira construção do conjunto foi iniciada em 1247, era inicialmente todo trabalhado no estilo gótico, que eu particularmente amooooooo!!! Porém, ele foi reformado e demolido durante vários anos de guerras e troca de reinados, e hoje ele tem estilo praticamente todo neobarroco. Mas, nem por isso, deixa de ser maravilhoso! Sempre que entro nele, arrepio, fico imaginando toda a história que um lugar assim carrega, quantas lembranças de milhares de pessoas. Gente que nasceu e morreu ali dentro daquele lugar. Fico pensando em como um lugar assim resiste tantos anos, mesmo depois de vivenciar tantas guerras.

 

Sabe... essa é a melhor parte de viajar para mim. Aprender a história do lugar e ficar imaginando como foi a vida das pessoas que passaram por ali e as coisas que a história oficial não conta. Fico tentando me imaginar nas épocas que o lugar sobreviveu. Sempre saio com uma visão diferente da minha própria vida.

Lembro-me que quando fui, estava tendo um festival de cerveja no Castelo de Buda. Até hoje tenho a caneca que ganhei lá. Fui com meus amados amigos Raquel e Radek. Inclusive escolhi falar sobre Budapeste agora porque a Raquel me enviou uma foto, esses dias, da gente naquela noite memorável! Deu muita saudade e resolvi escrever sobre essa viagem. Aí vão algumas fotos daquela noite memorável com meus amigos amados.

 

Parlamento de Budapeste

É um dos edifícios mais lindos que eu já vi! Ele, também, é um dos edifícios legislativos mais antigos, e o segundo maior parlamento da Europa. Ele fica às margens do Danúbio. Começou a ser construído em 1885 e foi concluído em 1904, tem 18.000 m², com 700 salas e gabinetes e 27 entradas. Essa construção é novinha em folha se comparado ao castelo, não é? Mas, passear por lá também traz emoção. A história de um país é decidida dentro daquelas salas enormes. Pessoas decidem o futuro de milhares de outras. Quando penso que aqui em Brasília vivemos tudo o que estamos vivendo agora, fico pensando se eles já passaram por isso alguma vez na sua história, e se conseguiram evoluir, ou se nunca chegaram a viver isso ali.

Ponte das correntes

Cujo nome original é Széchenyi Lánchíd (quero ver você ler isso!), é esplendorosa demais! Também uma das mais maravilhosas que já vi. Tem 375 metros, e foi inaugurada em 1849. Na margem de Buda, a ponte tem, em sua ponta, a Praça Adam Clark, onde fica o funicular do Castelo de Buda. No meio dela tem 2 estruturas parecidas com o Arco do Triunfo de Paris. Ainda não a atravessei a pé, mas na próxima ida irei. Não gosto de fazer tudo no lugar que visito, porque sempre deixo um tiquim para quando voltar, daí posso lembrar da última vez que fui e comparar as viagens. É um exercício gostoso, recomendo. 

 

 

Praça dos Heróis

É uma das praças mais importantes de Budapeste e deliciosa para andar de patins (na próxima vou fazer isso). Ela fica em um dos extremos da avenida Andrássy, que é a avenida mais turística de lá. No centro dela, fica o Monumento do Milênio, formado por estátuas dos líderes das 7 tribos magiares que fundaram a Hungria no século IX e algumas outras personalidades da história do país. No topo do pilar central está o Arcanjo Gabriel. Sua construção começou em 1896 e terminou em 1929 (parece com as obras do Brasil, né?). Estar nessa praça, sentindo o ventinho, nos dá uma sensação de poder muito legal. Acho que a gente se empolga com aqueles monumentos todos representando glórias.

 

Gente, Budapeste é linda demais! Quem aí já esteve por lá? O que acharam da cidade? Contem aí o que acharam da minha experiência? Lembraram-se de um lugar que tenha te mostrado coisas que você nunca tinha visto antes? Como foi gente? Conseguiram lembrar de cheiros, barulhos, texturas, temperaturas, gostos, imagens? Contem aí para mim. Quais foram as sensações de se lembrarem desse momento da vida de vocês? Aguardo seus comentários.

 

 

 

 

 

 

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

O PESO

November 18, 2019

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Siga-me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon