Blog Memorarces

Por Rubia Arce e Colunistas

O País dos dedos gordos

12 Jan 2018

Estimados leitores, a Coluna Inspirando de nosso adorável Blog Memorarce, oferece hoje uma história de nosso ilustre e amado “Rubem Alves”, uma história infanto juvenil  de ficção romanceada que nos leva a reflexionar a respeito de várias demandas existentes em nosso meio.

 

A história acontece num país, onde o seu povo é pobre e muito feliz. Tudo era motivo de diversão e fazia o povo feliz. O rei e a rainha eram amigos de todos e para completar a felicidade da realeza, nasceria uma linda princesa. Para que tudo fosse perfeito, a realeza convidou todas as fadas e magos do reino para que fossem padrinhos da linda e amada filha e com todos os encantamentos que eles envolveriam a linda menina, ela estaria protegida em um círculo de magia.

 

Infelizmente, neste país existia uma bruxa malvada e invejosa, que se sentiu muito desprezada por não ter sido convidada. Com isso descobriu uma pequena falha nos encantamentos que protegiam a princesinha. O corpo da menina era totalmente fechado, com exceção do seu dedo “seu vizinho”, da mão esquerda.

 

A malvada bruxa rogou uma praga naquele pequeno dedinho, e que este deveria engrossar, engrossar e engrossar. Não existindo remédio que o curasse e nem acabasse com o bruxedo rogado.

 

A menina se tornou uma menina triste, pois com um dedo tão grotesco não conseguia usar suas lindas luvas brancas, usar os aneis reais, tocar piano ou outro instrumento. O rei preocupado com a felicidade de sua filha, chamou os técnicos, que foram encarregados de encontrar uma solução. A solução proposta foi para que todos naquele país tivessem dedos gordos e grandes, para que todos se igualassem a princesa.

 

A partir, de então aquele país deixou de ser feliz. Pois, todos deixaram de ser felizes, compreendendo que o futuro deles estaria relacionado com os exames vestibulares, e que só uma coisa importava e os preocupava: a grossura de seus dedos “seu vizinho”, para poderem fazer parte dos bailes, das escolas, empregos, etc.

 

A filosofia que reinava naquele país era a filosofia do dedo gordo, todo o resto foi esquecido e as pessoas passaram a se privar das coisas boas em busca de um único objetivo do dedo gordo. As coisas que davam prazer haviam sido abandonadas.

 

A princesa também continuava infeliz, pois todos que a cercavam estavam infelizes e só se preocupavam em engordar o dedo. Então o rei compreendeu o tamanho de sua estupidez e comunicou que não seria mais necessário engrossar o dedo, mas sim, que todos fossem felizes como eram anteriormente.   

     

Esta história de ficção romanceada nos fala muito mais nas suas entrelinhas,  espero que muitos procurem por ela para poderem verificar sua veracidade.

 

 

Compartilhar no Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

VIAGEM A OUTRO MUNDO

November 11, 2019

1/10
Please reload

Arquivos
Please reload

Siga-me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon